Sobre o debate

Maha Mamo era apátrida. Nascida no Líbano, filha de pais sírios, ela era considerada inelegível para as duas nacionalidades, e portanto, não possuía nenhum direito nem reconhecimento de cidadania. Após anos de perseverança e um pouco de sorte, encontrou um país para chamar de seu: o Brasil. Neste debate, vamos conhecer melhor as devastadoras consequências da apatridia e como Maha se tornou a face deste movimento de invisíveis.