Sobre o debate

O ugandense Joseph Kony figura em 1º lugar na lista de procurados da Corte Penal Internacional de Haia por crimes contra a Humanidade. Mesmo com uma extensa lista de atrocidades cometidas em mais de 20 anos, ele permanece pouco conhecido no mundo ocidental. Recentemente, um filme postado no Facebook ganhou repercussão internacional e obrigou o governo americano a se engajar na causa. O debate conta essa história com final ainda incerto e abre espaço para discussão de temas como direitos humanos, pobreza, política externa norte-americana, e o poder da internet.