Sobre o debate

A versão em inglês da crônica de Martha Medeiros que inspirou o livro e a peça de teatro “Doidas e Santas” é o ponto de partida deste debate. A discussão gira em torno de questões femininas como as conquistas sociais, políticas e culturais das gerações anteriores e suas reais conseqüências, o perfil da mulher do século XXI, as noções de feminilidade e sensualidade, a ditadura da beleza, a mulher madura, e a distinção entre amor e sexo.